Em busca de soluções para o conflito sobre a floresta mais antiga da Europa
11 de outubro de 2018

A exploração da floresta mais antiga da Europa, a Floresta Białowieża, na Polônia, foi suspensa recentemente, provavelmente motivada pela decisão do Tribunal de Justiça Europeu de impor multas de 100.000 euros por dia, se a extração nos moldes antigos continuar. Embora isso seja percebido como uma vitória de ativistas ambientais sobre o Setor Florestal Polonês, ambos os lados afirmam agir no melhor interesse da sociedade, apoiados pela melhor ciência disponível. O futuro próximo da floresta de Białowieża permanece incerto.
A disputa sobre a Floresta Białowieża  é um típico conflito de interesses representado por diferentes partes interessadas: ambientalistas, cientistas, governo local, silvicultores e empresários locais, e está relacionado à percepção de valor. Também destacamos o aspecto financeiro do conflito e discutimos como os impactos no turismo podem ter consequências de longo alcance, não apenas para a população local da região de Białowieża, mas também para a prestação de serviços ecossistêmicos de importância mundial, como a proteção exclusiva da biodiversidade.

Download PDF


< Anterior Próximo >
Voltar para Publicações